Como Decorar as Paredes da sua Casa.

Como Decorar as Paredes da sua Casa.

Acerte na composição de quadros e decore você mesma as paredes da sua casa.

Como designer de interiores que atua a mais de 20 anos no segmento tenho memória de hábitos e costumes que marcaram as decorações no inicio do século XXI. Lembro-me que decorar as paredes de casa era tarefa para poucos. Por isso posso afirmar que comprar arte naquela época era bem mais complicado e caro do que nos dias de hoje.

Lá atrás empreguei muito tempo argumentando com clientes…. que sim, podíamos e deveríamos iniciar um projeto a partir da inspiração de uma obra de arte ao invés de iniciar por armários, sofá, poltronas…Entretanto itens como quadros sempre fizeram parte da relação de compras finais do projeto. Injustiça com o elemento que faz toda diferença no ambiente!

Graças a Deus essa história mudou.  Hoje você pode decorar as paredes da sua casa depois de escolher, combinar, consultar preços….tudo isso online. Para isso você deve juntar o seu gosto pessoal às medidas do local e buscar inspiração nas minhas redes sociais como o  Pinterest e o Instagram . Você também pode visitar sites de artistas e entrar direto no e-commerce do ramo.

Ah e também escrevo uma coluna na revista nomoremag.

Todos os meses ela chega cheia de novidades sobre o mundo sustentável, comportamento, saúde e beleza, cultura e claro minha coluna… Viver Melhor.

Para que não fiquem dúvidas vou responder  perguntas referentes à decoração de paredes.

Devo optar por uma parede cheia de quadros ou um quadro único?

Que tipo de arte comprar? Gravuras? Pinturas? Fotografias?

Que cores escolher?

Como emoldurar…

Então veja a seguir o que você deve levar em consideração antes de escolher sua arte.

 

Como saber qual tipo de arte mais te agrada?

Bom para começo de conversa vale esclarecer que arte não precisa necessariamente estar “prensada” entre vidros e emoldurada. O conceito de arte é bem amplo e pode estar relacionado ao formato de uma escultura, um canvas, uma tapeçaria e até mesmo o trabalho feito por uma criança.

A arte  como tudo que diz respeito a estilo é um assunto subjetivo completamente relacionado ao coração. Se você olhou para uma peça e sentiu uma conexão…. isso é o que realmente importa. Lembre-se que sua coleção exposta é um reflexo da sua personalidade.

Atente-se a paleta cromática do ambiente.

As cores tem uma força emotiva muito grande e definitivamente dão o clima ao ambiente. Se você já vive no espaço onde quer colocar quadros, a primeira coisa a fazer é considerar a paleta cromática. A cor e  tonalidade das suas paredes são importantes, mais ainda se o foco do ambiente estiver nelas. Se você ainda tem dúvida de como combinar cores recomendo um curso perfeito para te ajudar.

Suas paredes são brancas? Então evite quadros com branco, bege, cinza, ou tons pastéis. Faça isso a menos que sua intenção seja manter suas paredes neutras, para que o foco do ambiente vá para um tapete especial por exemplo.Nesse caso use quadros minimalistas em tonalidades bem próximas à da parede.

Quadros com muito branco são excelentes para clarear cores escuras nas paredes pois trazem luz e amenizam o “peso” de um tom escuro.

Sala com parede escura e quadros de cores claras

Fonte: www.target.com

Por exemplo a composição de gravuras usadas na imagem acima ajudam a atenuar a cor marrom da parede. Saiba como decorar com tons neutros e off-white.

A mesma regra vale para paredes pintadas em tons vivos. Quadros claros ajudam a amenizar a vibração da cor.

Proporções e o local de exposição fazem toda a diferença.

Em segundo lugar, logo após a questão das cores você deve considerar o espaço disponível,as  proporções  e o efeito que deseja causar. Tenha em mente as medidas exatas da parede que vai decorar antes de escolher seus quadros. Quadros pequenos parecerão perdidos numa parede grande e peças muito grandes precisam de uma certa distância para serem propriamente admiradas.

Você pode adquirir um quadro grande ou criar uma parede galeria com vários quadros menores. O mais importante é fazer a conexão entre a arte e os móveis e objetos decorativos do seu ambiente.

Por isso você deve decidir o quem vem primeiro. A arte ou o mobiliário? Em outras palavras, o primeiro a ser escolhido (e comprado) dará as pistas para o restante. Note na imagem abaixo, como a  presença da cor vermelho cereja no borrão do quadro inspirou a palheta de cores do restante da sala.

 

 

Sala com parede clara, um quadro único grande atrás de um sofá roxo com almofadas coloridas

Exemplo de parede com quadro único (Fonte: www.vivadecora.com.br)

 

Parede Galeria: o que é?

Com a intenção de personalizar a casa popularizaram-se as composições de 7, 10, ou 15 quadros conhecidas como Parede Galeria.

Com toda certeza a proposta ganhou adeptos devido a sua flexibilidade.

Porque você pode compô-la misturando  seus quadros antigos com quadros recém adquiridos, além de poder misturar relicários, pratos, desenhos de criança, foto de casamento, etc…

Não existe regra no que pode ser exposto por isso é necessário habilidade para criar. Atenção aos materiais, formas e cores porque uma bela parede galeria, apenas parece ter sido criada ao acaso. Ela decora sua parede mas exige muito planejamento.

 O que são Díptcos e Trípdicos

Uma forma interessante de preencher a parede é a escolha de uma conjunto de arte previamente unida pelo artista.
Um par ou trio de gravuras, desenhos ou pinturas chama-se Díptcos e Trípdicos. O conjunto de imagens tem obrigatoriamente o mesmo tipo de moldura.

 

Sala com paredes brancas e vários quadros de tamanhos e artes diferentes

Fonte: www.designmilk.com

 

Sala com 3 quadros na parede com artes florais, e um sofá à frente com almofadas

Tríptico floral com moldura filete em madeira natural. Fonte: Insgrum.com

Outra dica: uma parede com várias fotos em preto e branco é muito elegante, mas um pouco monótona, principalmente se tiver apenas molduras pretas iguais. Já pensou em tentar algo colorido?

Paredes com quadros em molduras coloridas

Fonte: framewalls.com

A solução é tão simples, fazer em preto custaria a mesma coisa e não teria o mínimo de graça.

Em que altura devo pendurar os quadros?

Ah essa é uma pergunta bastante comum porém é difícil encontrar uma medida que sirva para todos os casos. Uma boa regra é guiar-se pela altura dos nossos olhos.

Como regra geral o centro de um quadro deve ficar na altura da nossa visão quando estamos de pé. Isso significa mais ou menos 1,50m/1,60m.

As distâncias recomendadas com relação aos móveis estão sujeitas à altura do pé direito e as medidas do quadro.

Em apartamentos modernos onde o pé direito não passa de 2,50m, costumo manter uma distância de aproximadamente 25cm de altura entre os móveis e os quadros.

Se você quer aprender mais sobre decoração e até construir uma carreira nova visite o meu site ou entre em contato comigo nos endereços abaixo.

Espero que você tenha gostado!

Dúvidas? Você já sabe. É só me procurar por email ou whatsapp.

Silvana@decoracaosemduvida.com.br e  (11) 9 32778899

Abraços,

Silvana Hindi

 

 

Como Criar um Jardim Interno na sua Casa

Como Criar um Jardim Interno na sua Casa

No último ano vivemos uma febre de jardinagem. A criação de jardins internos é tendência que veio para ficar.

 

Jardim Interno

Jardim na Sala de Estar reune plantas pendentes, parede verde e árvore frutífera. Fonte:Van Tan

Nessa matéria vou falar sobre jardins internos e os benefícios que trazem para nossa saúde física e emocional. Aproveito para sugerir que conheça as 5 plantas que precisa ter em casa para manter-se saudável.

Mas primeiramente, antes de sair procurando um espaço na sua casa para colocar as plantas, vamos às seguintes considerações:

Um jardim interno precisa apresentar condições ideais para vingar . Essas condições variam de acordo com as espécies plantadas.

São 4 os pontos importantes:

1.Luminosidade

2.Umidade

3.Profundidade do Solo

4.Condições para Rega

Hall de Entrada com Jardim Interno

 

Atendidos os requerimento acima, você  ainda pode se beneficiar com a redução no custo de energia. Por que a presença de plantas faz com que o ar circule mais no espaço.

Em segundo lugar, você vai respirar um ar mais puro pois as plantas eliminam os poluentes domésticos.

E não menos importante, um jardim interno melhora a produtividade de qualquer atividade realizada por perto, seja ela trabalho, estudo, relaxamento…

Luminosidade

As plantas dependem da luz para fazer a fotossíntese e crescer. Em outras palavras, na ausência da luz adequada elas não produzirão flores ou frutos. Por isso os espaços com pouca luz precisam de sistemas de iluminação artificial específicos para jardinagem.

Por exemplo, a grande maioria das espécies se desenvolvem quando expostas 14a 16 horas à luz solar.

Por isso quando não há luz natural suficiente, você deve optar por sistemas de fluorescentes compactas ( lâmpada e refletor) ou por lâmpadas de Xenon. Seu brilho intenso pode garantir o desenvolvimento de qualquer jardim.

Clarabóias garantem a entrada da luz solar necessária para o crescimento do jardim interno.

Umidade

Jardins Internos normalmente sofrem de baixa umidade e esta é a causa mais  frequente das manchas marrons nas folhas.

Resumindo, as plantas florescem quando as condições climáticas apresentam 50% de umidade. E isso  raramente vai ocorrer dentro de casa.

Entretanto resolver esse problema é fácil! Nos dias mais secos, coloque um aparelho de umidificação próximo ao seu jardim interno. Ou simplesmente encha um balde de água, que também resolve!

A umidade no banheiro favorece o desenvolvimento de algumas espécies

Profundidade do Solo

A profundidade do solo varia de acordo com a espécie de planta que se vai plantar. De maneira geral 50cm de profundidade é suficiente para a maioria das plantas. Alguns caules menos firmes devem ser presos à hastes e treliças.

 

 

Soluções criativas para plantas dentro da sala

Nem sempre é preciso montar um canteiro para ter a sensação de um jardim acolhedor Fonte: acervo Decoração sem Dúvida

 

Rega

As plantas cultivadas em vasos secam mais rapidamente que as plantas colocadas diretamente no solo. Por essa razão é imperativo que as plantas do jardim interno recebam uma quantidade consistente de água através de um sistema de irrigação e gotejamento automático.

Concluindo, independente do modelo de jardim e das plantas escolhidas, lembre-se sempre de providenciar uma boa drenagem. Na sua ausência as raízes apodrecerão. Quando usar vasos ou qualquer outro tipo de “container”, providencie para que tenha furtos ou pratos.

 

Quais espécies são mais indicadas para lugares fechados?

 

 

Plantas para Espaços Intenos

As 10 plantas que sobrevivem melhor em espaços internos.

  1. Aglaonema

  2. Zamioculca

  3. Rhapis Exclesa

  4. Sansevieira

  5. Epipremnum Aureum

  6. Neoregelia

  7. Dracaena Fragans

  8. Samambaia

  9. Calatheas

  10. Chlorophytum

Espero que tenham gostado da matéria!

Convido vocês para conhecer meu canal no YouTube e assistir vários videos com o passo a passo para arrumar sua casa…. como um profissional!

Grande Abraço,

Silvana Hindi

 

 

 

 

 

 

Novos Critérios para Escolher os Materiais de Acabamento.

Novos Critérios para Escolher os Materiais de Acabamento.

Como os materiais de acabamento afetam o nosso bem estar psicológico?

 

Hoje nós vamos falar sobre esse assunto. A primeira vista, acabamentos e psicologia,  são termos que parecem não ter relação alguma, mas tem!

Esse debate é recente, por isso acho que você vai se surpreender no decorrer dessa matéria.

Primeiramente, saiba que esse, é um assunto muito sério. Nós humanos, passamos  90% do tempo de nossas vidas nos interiores, dentro de nossas casas, escola, locais de trabalho….

Em segundo lugar, vale lembrar que, é nesses espaços que experimentamos os efeitos fisiológicos e psicológicos, daquilo tudo, com o qual interagimos.

Importantes  estudos  já mostraram como as formas, os formatos, as cores, e as  texturas  influenciam diretamente  no comportamento humano. Agora é a vez de você conhecer mais, sobre o poder que alguns materiais de acabamento tem, de mexer com seu bem estar.

Chegou  a hora de você escolher os materiais de acabamento para sua casa?   Se sim, mãos a obra! Afinal são eles que trarão vida, originalidade e personalidade aos seus ambientes.

Caso precise de ajuda, dê uma olhada nos meus cursos, e na minha consultoria!

 

 

A madeira que aquece o ambiente é usada nas esquadrias e no painel da TV Fonte: Homegarden.com

 

 

Pesquisar soa uma coisa chata a  fazer, mas é preciso, porque o número de opções é enorme.

É necessário conhecer a ficha técnica, e  acima de tudo, descobrir como determinado material pode afetar seu estado psicológico.

Por exemplo, quais são os materiais que causam maior estimulação sensorial?  Por que isso é importante?

Me acompanha nessa explicação:  o fato de um material provocar uma estimulação sensorial, nos ajuda a explorar  mais o meio no qual vivemos.  Cada vez que um dos nossos sentidos é  estimulado, ocorre  um desenvolvimento da nossa percepção corporal, fato que trás muitos  benefícios para saúde geral.

Como se comportam os seguintes materiais de acabamento perante esta questão?

1. Madeira

 

Revestimentos de madeira nas paredes e piso alteram a qualidade do ambiente interno.  Por isso afetam  as pessoas a nível psicológico e fisiológico.

Os cientistas ambientais comprovaram, que nos espaços onde a presença da madeira é abundante, o nível de stress é reduzido. Os efeitos benéficos derivam da estimulação visual, acústica, olfativa e tátil oriundas de determinadas  superfícies de madeira.

Madeira é  sinônimo de aconchego e trás conforto e calor humano para os ambientes. Existem mais de 100 espécies, variando na  granulação, textura e tonalidade.  Cada tipo, tem um poder de afetar nossas emoções e produtividade, de uma maneira diferente.

Madeiras com desenhos complexos tem muito apelo visual, sua singularidade é seu passaporte para o sucesso. Não há monotonia num ambiente que mostra os veios da madeira.

 

 

Studio com paredes em concreto aparente piso tipo parquet em madeira. Fonte: Stanislav Kaminskyi

 

 

 

Outra de suas qualidades imbatíveis: cativar as pessoas com seu aroma, e torna-las mais calmas. Esse aspecto também já foi comprovado cientificamente.

Mas você deve estar se perguntando…. essas descobertas valem para MDF, compensados, carpete e folhas de  madeira..??? Não. Essas descobertas valem para a madeira, no seu estado mais próximo ao encontrado na natureza.

Faz total sentido, não é?

 

 

2.Concreto

 

Até alguns anos atrás, o  concreto aparente era usado apenas nas etapas da construção. Considerado um material básico e pesado, o concreto mudou de status recentemente.

É um material  rígido, uniforme, que passa a idéia de  foco e  decisão.  Esses adjetivos não o define como um acabamento ideal para ambientes internos, mas certamente o colocam entre os materiais que evocam respeito.

Duríssimo no visual e no tato, recomenda-se seu uso ao lado da madeira.

Na última década, aproveitando a onda do estilo industrial, ele inaugurou sua presença nas decorações com força total.

 

 

Linha Aparente da Castelatto

Parede da sala revestida com placas de concreto aparente. Fonte: Castelatto.com.br

 

 

Antes era resultado de placas feitas em formas sem graça, agora existe um sem número de modelos.

Carrega o  nome de concreto arquitetônico porque sua função não é estrutural, mas sim estética.

Com eles  criamos divisórias vazadas ou não, revestimos paredes, cabeceiras…   Estão disponíveis em diversos formatos cheios de leveza e movimento. Muitas peças são tridimensionais e seu efeito visual é um “plus” em qualquer ambiente. As peças permitem que sejam feitas variações personalizadas.

 

 

 

Revestimento de concreto com ângulos pontudos da linha Origami da Castellato, produz um belo efeito de luz e sombra no ambiente. Fonte: Castelatto.com.br

 

 

Existem muitos outros materiais de acabamento para serem analisados. Vou continuar a abordar essa questão em breve. Nesse meio tempo, se você estiver com dúvidas, não existe em me contactar.

Não deixe de ler as matérias exclusivas da revista nomoremag. Lá você encontra opiniões de gente antenada com moda sustentável, decoração, vida saudável na terceira idade e muito mais!

 

 

Pesquisa sobre os materiais:

www.archdaily.com/907758/why-your-home-and-office-affect-your-mood-and-health

www.tandfonline.com – Material properties of wooden surfaces in interiors and sensory stimulation.

 

Um grande abraço,

Silvana Hindi

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cozinha Aberta: Conheça suas Vantagens e Desvantagens

Cozinha Aberta: Conheça suas Vantagens e Desvantagens

Cozinha Aberta X Fechada, é Possível Ter o Melhor das Duas?

 

Costumamos dizer que a cozinha é o coração da casa. Por isso não me parece exagero, a preocupação em acertar no projeto. Essa tarefa se torna mais fácil, se conhecermos as vantagens e as desvantagens das cozinhas abertas.

Primeiramente quero fazer uma viagem para o início do século  XX, e lembrar as mudanças pelas quais esse espaço passou. A cozinha aberta foi “”inventada ” na metade do século XX, momento em que a mulher entrou para o mercado de trabalho.  A cozinha, antes reservada apenas para cozinhar, virou o centro das atenções da casa.

Em segundo lugar, a mulher foi a única responsável pelas refeições da casa por muito tempo. Mas isso mudou. Hoje, os maridos e filhos são capazes de comandar o fogão com maestria.

Se você estiver na dúvida sobre qual layout escolher, me acompanha nessa matéria, escrita para clarear essa questão! Conheça o meu curso para Decorar sua Casa como um Profissional 

 

Cozinha aberta, integrada à sala de estar. Piso e balcão em cimento queimado e madeiras em cores aproximadas.Fonte:beautifulhouses.com

As maiores diferenças entre as cozinhas abertas e fechadas são as seguintes:

 –Vantagens

  • Interação facilitada entre os membros da família
  • Visual amplo e mais iluminado, o que é bom para apartamentos pequenos,
  • Modernidade.
  • Praticidade
  •  

– Desvantagens

  • Odores de comida/ se não houver um projeto assertivo
  • Exige organização e limpeza
  • Exige coordenação precisa dos acabamentos entre um espaço e outro.
  • Necessidade de muitos armários fechados

 

 

Cozinha Aberta

 A cozinha aberta, em outras palavras a cozinha americana tem como principal característica a integração com outros cômodos. Normalmente está aberta para sala de jantar e/ou estar. A ausência de paredes para separar os cômodos, implica em dizer, que todo espaço estará sempre visível.

 

 

Vantagens:

Primeiramente a cozinha aberta é perfeita para casas pequenas, porque a ausência de paredes e portas cria uma fusão entre os ambientes. Essa liberdade favorece o fluxo das pessoas, e a sensação de amplitude.

 

 

Cozinha aberta para sala

Piso de tábua na sala e porcelanato na cozinha a direita na foto. Fonte:Pinterest

 

 

Depois, temos a questão da informalidade. Por exemplo, se você está assando um bolo, e chega alguém na sua casa, vocês continuarão próximas ao fogão, podendo sair um bom cafezinho… Vocês vão iniciar um bom papo ….e isso chama-se aconchego! Essa cena ilustra a cozinha cumprindo seu papel psicológico na casa.

Somando-se a isso, a cozinha aberta  oferece mais espaço para que várias pessoas trabalhem ao mesmo tempo. A ilha é uma peça fundamental para que isso aconteça.

Cozinha Aberta Com Ilha

A ilha na cozinha é uma invenção norte americana dos anos 1960. A ilha foi idealizada para servir de apoio entre os dois lados cozinhas. Nos Estados Unidos, durante a onda da construção de casas nos subúrbios, havia sobra de espaço e as cozinhas eram enormes.

As ilhas comportam o fogão ou  o “cooktop”, e para isso ganharam modelos bonitos de exaustor. Em outras palavras a ilha virou o ponto de partida para um bom projeto de interiores para cozinhas.

Nos casos onde não existe muita área quadrada, a ilha é criada a partir  de um balcão. Esse elemento simula uma semi divisão entre dois ambientes.

Se sua necessidade é ter um apoio próximo de onde está cozinhando, a decisão de ter uma ilha, não precisa ser tomada no início da obra.  Existem muitas opções que podem ser adquiridas como peça separada.

 

 

 

Mesa/Ilha em aço inox com rodízios. Fonte: decoist.com

 

Desvantagens:

O espaço da cozinha aberta está 100% do tempo a mostra. Você precisa ter um bom projeto de marcenaria  para que todos os pequenos eletrodomésticos fiquem escondidos. Por exemplo, liquidificador, fritadeira, torradeira…precisam de tomadas próximas e um lugar acessível para guardar.

Para um visual profissional é  fundamental que esses aparelhos não fiquem a mostra. Após seu uso, precisam voltar para o armário, do contrário a sensação de desordem e de falta de planejamento será inevitável.

Outra questão bastante relevante, é conhecer bem qual o tipo  de refeições mais servidas na sua casa. Lembre-se que o preparo de alguns pratos soltam vapor, fumaça, barulho, e odores.

O vapor especialmente, eleva a temperatura ambiente. Além disso, alguns eletrodomésticos apresentam um nível de barulho significativo.

 

 

 Cozinha Fechada

A cozinha fechada é o espaço ideal para aqueles que servem refeições diárias para muitas pessoas, e aprecia cozinhar isolado no seu santuário.

Cozinha fechada

Cozinha fechada, separada por paredes dos outros ambientes da casa. Fonte: acervo

 

Vantagens:

O layout fechado tem duas vantagens imbatíveis: Primeiro, nela tem-se  mais espaço para armazenamento  Pois a cozinha fechada tem uma parede a mais para colocar armários e bancadas.E segundo, podemos relaxar um pouco com relação à a organização. A bagunça do preparo das refeições está, por hora, longe das vistas.

Cozinha semi aberta disfarçada por armários suspensos. Fonte Pinterest

Desvantagens:

O aproveitamento da metragem quadrada do imóvel fica comprometida com a presença de mais paredes. Além disso, quem cozinha permanece isolado dos demais, porque as cozinhas fechadas são estreitas para acomodar convidados.

 

Cozinha semi aberta com portas decorrer no lugar onde antes eram as paredes do cômodo. Fonte: acervo

 

Para concluir, gostaria de dizer que me decidi por esse assunto como primeira matéria de 2021, porque tenho visto com frequência projetos de cozinhas maravilhosas, integradas à sala, às varandas e à corredores.

Entretanto ,como designer de interiores, à frente de uma empresa que desenvolve projetos online, atendo clientes com muitas dúvidas sobre o  melhor a fazer.  Iniciam a conversa afirmando a vontade de terem cozinhas integradas. Porém, quando questionadas(os) sobre que tipo de comida preparam, e sobre a urgência da organização, mais da metade abandona o sonho.

Passamos então, a projetar  juntas( os) um elemento divisor de ambientes.  Essa “paredes “deve “disfarçar  a bagunça, amenizar os odores  e abafe o barulho. Tudo  isso, sem comprometer a sensação de amplitude e modernidade da cozinha integrada.

 

 

Cozinha separada da sala de jantar por portas de correr de vidro. Fonte: acervo

 

 

Insisto em dizer que a pessoa responsável pela organização diária da casa, é quem deve escolher o melhor layout de cozinha. Recomendo prestar  atenção para que o encantamento  com a estética não supere a funcionalidade dos seus ambientes.

Espero que eu tenha ajudado você a fazer a escolha certa.

Venha conhecer a revista NOMOREMAG online e encontre outras matérias úteis para o dia a dia da sua casa!

Um grande Abraço,

Silvana Hindi

 

 

 

 

 

 

 

 

Árvores de Natal Coloridas e Criativas.

Árvores de Natal Coloridas e Criativas.

Inove Na Sua Casa Com Árvores de Natal Coloridas e Muito Criativas.

 

Você já pensou em sair do tradicional verde, e inovar na sua casa, com uma Árvore de Natal Criativa, em cores que você nunca nem imaginou?  Cor de rosa, roxa, amarela, preta, etc..?

Esse ano atípico está terminando e graças a Deus você está com saúde.

Quer motivo melhor do que este, para inovar na sua casa, mudando a cor da sua árvore antiga?

Em primeiro lugar, para que você tenha sucesso na sua decoração, sugiro que siga as dicas abaixo, porque talvez não seja mesmo a hora de comprar tudo novo!

 

  1. Faça um “inventário”dos seus enfeites de Natal, afinal você não quer desperdiça-los, e sim combina-los.
  2. Anote num papel as cores predominantes das suas bolas, fitas ,festões… e a quantidade referente a cada item.
  3. Por exemplo, se você tem muitos enfeites em tons de dourado e gosta de um clima chic e sofisticado, pode pintar sua árvore de dourado. Ou, os mesmos enfeites dourados, podem arrasar numa árvore preta. E para que eles se sobressaiam ao máximo, você consideraria uma árvore roxa?
  4. Quando as cores da decoração da árvore estiverem escolhidas, pense em harmoniza-la com a toalha da mesa, guirlanda da porta, velas, guardanapos,etc.

 

A Decoração de Natal deve seguir os mesmos princípios da decoração de qualquer ambiente, tem que ter:

equilíbrio,

estilo,

foco, 

uma palheta de cores coordenada.

 

Por isso, é importante conter o impulso da compra, e sair com fotos dos seus enfeites no seu celular. Isso porque uma vez na loja, somos tomados pelo encantamento das formas, brilhos,texturas… e só queremos consumir!

 

Natal Brilhante

 

Natal prateadoÁrvore de natal prateada com enfeites nos mesmos tons. Árvore de natal prateada com enfeites nos mesmos tons. fonte: traditionalhome.com

 

Para um Natal brilhante:  Árvore de Natal prateada ou árvore verde com bolas, flores e fitas em branco e dourado. Ambas propostas são luxuosas e apesar de estarem bem  cheias de enfeites, não parecem “sufocadas”. Elas obedecem uma palheta de cores restrita.

A  cor prata significa elegância e o dourado representa sabedoria. A árvore prateada tem enfeites prateados e translúcidos. Para ter efeito, precisa ser assim, obedecer fielmente uma proposta de palheta. Isso é fácil de acontecer quando você faz nosso treinamento, e passa a conhecer tudo de cores.

 

Natal Invertido

 

árvore de natal virada para baixo

Está cada vez mais na moda, a árvore de Natal invertida. Fonte: thespruce.com

 

Está cada vez mais na moda, a árvore de Natal invertida para um Natal ousado : Você consideraria uma árvore de ponta cabeça e bem colorida na sua sala?

É divertido, mas acredito que pouco adotado numa festa tradicional como o Natal.

Os enfeites da imagem acima estão seguindo as cores do arco-íris e a saia listrada esconde sua base. São feitos em casa usando canudinhos e  pompons para simular um sorvete. Você já pensou em fazer uma árvore de Natal sustentável?

Já conhece a proposta da revista nomoremag ? Clique no link e veja o Brasil está bem representado na moda e estilo de vida sustentáveis.

 

 

Natal Cor de Rosa

 

árvores de natal com papai noel

Árvore de Natal cor de rosa enfeitada com Papai Noel vermelho Fonte: jenniferperkins.com

 

 

As árvores de Natal vermelhas são parceiras do Papai Noel  e são pura diversão. Você sabe que o  cor de rosa  é um tom da cor vermelha? Portanto mistura-las é sucesso na certa, porque cria um efeito de cores “tom sobre tom”.

Quando seu enfeite preferido é a figura de um Papai Noel tradicional, a árvore de Natal cor de  rosa  forma uma combinação agradável de se ver.

 

Natal Exótico

árvore de natal preta e branca

É possível fazer um natal sem cor, mas muito chique e original. Fonte: acervo pessoal

 

 

Um Natal exótico: árvores em tons de cinza e preto e árvore totalmente preta.  Para esse Natal, já é possível encontrar árvores pretas  a venda na internet.

Entretanto, para quem não quer gastar, e sabe que no próximo ano vai mudar a cor outra vez, proponho a seguinte solução:pintar uma árvore usada com tinta spray da Colorgin.  Já testei pessoalmente, e  ficam perfeitas, depois de enfeitada, ninguém diz que não é uma árvore original!

Eu hoje, pintaria a minha de preto, mas optaria pelo  efeito “ombre”,que é a graduação da cor, como no primeiro exemplo acima. Muito chique. Na moda e na decoração o  preto significa mistério, noite e sofisticação.

 

Natal Florido

 

Natal romântico: muitas flores coloridas, como enfeite de árvore e como papel de presente. Fonte: acervo pessoal

 

Sua casa é minimalista, mas no Natal você costuma extravasar a vontade de colorir e colocar enfeites?  Se isso é verdade, então temos o cenário perfeito para uma árvore de flores.

Mas lembre-se do que falamos no início, mantenha-se firme numa palheta cromática. Repare que a árvore acima, apesar de parecer um pouco caótica, tem grande predominância de flores cor de rosa e salmão.

O Natal é uma festa única na sua magia.

 

As pessoas reúnem-se para brindar Jesus na noite do dia 24 de Dezembro, depois de muita correria, muito tempo passado na cozinha e no shopping. Para quem recebe nessa noite a festa começa muito antes. No final de Novembro, ou até mesmo antes, o ritual da montagem da árvore se inicia, o cardápio fica definido, as compras são feitas….

 

Quando meus filhos eram pequenos, um dia inteiro era dedicado a essas arrumações, que começam com tirar “lá do armário do quartinho “kk a caixa da árvore!

Um momento especial, onde refletimos sobre a importância das tradições para a construção das nossas histórias.

 

Fiz esse post com árvores em cores diferentes porque como designer de interiores gosto de inovar, e é o que esperam de mim, no final das contas.

Mas não importa, se você não está a fim de pintar, ou criar algo bem diferente esse ano. Enfeite sua casa com amor, nas cores mais significativas para você.

O Natal é um bom momento para curtirmos nosso cantinho, e lembrar da importância que nossos lares têm em nossa vida.

Uma linda comemoração para você. Nos vemos em 2021 !

 

Silvana Hindi

 

*Árvore de natal da capa do post : No lugar de bolas, flores. Fonte MarthaStewart.com

Iniciar Conversa
1
Tem Dúvidas Sobre os Cursos?
Oi! como posso te ajudar hoje?