Conheça as diferentes funcionalidades das lâmpadas e luminárias

Existem muitos tipos de lâmpadas e  luminárias no mercado hoje em dia.

Mas você não precisa conhecer  tudo sobre iluminação ou gastar uma montanha de dinheiro para tornar um espaço iluminado e agradável.

Aprenda aqui o básico sobre dois tipos de iluminação: Funcional e Decorativa.

Em primeiro lugar, tudo que você comprar, das lâmpadas, abajures, spots aos lustres pendentes  … vai ser submetido a seguinte pergunta:

Qual é a minha idéia para essa peça?

  1.   Quero que ela  ela exerça a função de iluminar ?
  2.   Quero que seja apenas uma peça decorativa… ou
  3.   Quero as duas funções juntas.
tipos-de-lâmpadas-e-de-luminária

Fonte : sarigelectrical

 

Segundo lugar, saiba que  o design de luminárias é dividido em 3 tipos para 3 funções  diversas:

1. Iluminação geral,

2. Iluminação para tarefas específicas ( estudar, costurar, cozinhar…)

3. Iluminação de destaque para que se alcance um efeito decorativo, é necessário misturar os 3 tipos num mesmo ambiente.

Iluminação Decorativa

É apropriada para criar estados de espírito ( sereno, agitado..) Raramente será usado uma grande quantidade de watts. Por ser mais suave, ela realça o formato e a textura dos objetos.

Com a função decorativa, a escolha da luminária vai obedecer, antes de mais nada, o estilo da decoração do ambiente. Uma peça de iluminação tem grande poder de caracterizar o clima, a atmosfera que se pretende para determinado ambiente.

Em design de interiores é proibido utilizar o mesmo tipo de lâmpada, com a mesma intensidade em todos os cômodos da casa.

Em luminárias decorativas usadas em dormitórios as lâmpadas devem ser suaves. Na sala de jantar devem ser  fortes porém dirigidas para o alto. Na cozinha o ideal é uma claridade vinda de lâmpadas brancas ( conhecidas como branca fria) e não branca amarelada ( quente).

Iluminação Funcional ou geral como também é conhecida, joga uma luz “por igual”em toda área a ser iluminada.

Normalmente vem de luminárias fixas no teto,  plafons e  spots, pois  esse tipo de luz tem a função de  “banhar as paredes”; o que significa que está iluminando todo os espaço uniformemente.

Para planejar a colocação de lustres em um cômodo, é primordial considerar qual a principal função do espaço.

Iluminação Direcionada ou para tarefas específicas:

Ilumina áreas pequenas onde ‘é necessário mais luz do que o cômodo está recebendo. Normalmente a luz direcionada é 3 vezes mais clara do que a luz geral do ambiente,

Apresenta-se em forma de luminárias de mesa , pendentes , trilhos, fitas de LED, etc…

iluminação-direcionada

Fonte:modernplace.com

 

Iluminação de Destaque

Também chamada de iluminação pontual, joga luz diretamente em determinado objeto, parede ou ângulo…  Dos tipos de lâmpadas apropriadas para esse uso, a mais indicada é a lâmpada Halógena, devido a sua intensidade e brilho.

deck-com--luminárias-com-aberturas-em-cima-e-em-baixo-foram---colocadas-simetricamente

Nesse deck, luminárias com aberturas em cima e em baixo foram colocadas simetricamente, e o jogo de luz causou um belo efeito. Elas destacam a área dos sofás. Fonte: gabrielafurquim.com.br

Lâmpadas de LED para iluminação geral.

Na minha opinião existem 3 razões imbatíveis para escolher  lampâdas LED.

       1.É ecologicamente correta, pois reduz em até 60% o gasto com energia.

  1. Sua duração é 5 x maior do que qualquer outra lâmpada no mercado, ela pode chegar a 50.000 horas de vida!
  2. Aguentam muito bem o uso de “dimmers” ( graduadores de intensidade da luz  usados com interruptor)

O único porém das lâmpadas de LED, por enquanto, é seu preço. Apesar de ter um custo benefício que compensa a longo prazo, essas  lâmpadas ainda são consideradas caras.

Segundo informações da  Abilumi ( Associação Brasileira de Importadores de Produtos de Iluminação) seu preço vem caindo 50% a cada ano e a previsão é de que num prazo de 4 anos elas cheguem a custar o mesmo preço das antigas incandescentes.

Cálculos indicam que o custo da lâmpada é compensado no segundo ano de uso, através da economia feita na conta de luz. Além disso não existe maior argumento que a matemática:

– A lâmpada incandescente dura 1 ano.

– A  fluorescente compacta  dura entre 6 e 15 anos,

– A   lâmpada de LED  dura 25 anos.

lâmpada-led

A tecnologia das lâmpadas LED permitem a criaçāo de luminárias delicadas e super eficientes como a da imagem acima. Fonte: etsy.com