Como os materiais de acabamento afetam o nosso bem estar psicológico?

 

Hoje nós vamos falar sobre esse assunto. A primeira vista, acabamentos e psicologia,  são termos que parecem não ter relação alguma, mas tem!

Esse debate é recente, por isso acho que você vai se surpreender no decorrer dessa matéria.

Primeiramente, saiba que esse, é um assunto muito sério. Nós humanos, passamos  90% do tempo de nossas vidas nos interiores, dentro de nossas casas, escola, locais de trabalho….

Em segundo lugar, vale lembrar que, é nesses espaços que experimentamos os efeitos fisiológicos e psicológicos, daquilo tudo, com o qual interagimos.

Importantes  estudos  já mostraram como as formas, os formatos, as cores, e as  texturas  influenciam diretamente  no comportamento humano. Agora é a vez de você conhecer mais, sobre o poder que alguns materiais de acabamento tem, de mexer com seu bem estar.

Chegou  a hora de você escolher os materiais de acabamento para sua casa?   Se sim, mãos a obra! Afinal são eles que trarão vida, originalidade e personalidade aos seus ambientes.

Caso precise de ajuda, dê uma olhada nos meus cursos, e na minha consultoria!

 

 

A madeira que aquece o ambiente é usada nas esquadrias e no painel da TV Fonte: Homegarden.com

 

 

Pesquisar soa uma coisa chata a  fazer, mas é preciso, porque o número de opções é enorme.

É necessário conhecer a ficha técnica, e  acima de tudo, descobrir como determinado material pode afetar seu estado psicológico.

Por exemplo, quais são os materiais que causam maior estimulação sensorial?  Por que isso é importante?

Me acompanha nessa explicação:  o fato de um material provocar uma estimulação sensorial, nos ajuda a explorar  mais o meio no qual vivemos.  Cada vez que um dos nossos sentidos é  estimulado, ocorre  um desenvolvimento da nossa percepção corporal, fato que trás muitos  benefícios para saúde geral.

Como se comportam os seguintes materiais de acabamento perante esta questão?

1. Madeira

 

Revestimentos de madeira nas paredes e piso alteram a qualidade do ambiente interno.  Por isso afetam  as pessoas a nível psicológico e fisiológico.

Os cientistas ambientais comprovaram, que nos espaços onde a presença da madeira é abundante, o nível de stress é reduzido. Os efeitos benéficos derivam da estimulação visual, acústica, olfativa e tátil oriundas de determinadas  superfícies de madeira.

Madeira é  sinônimo de aconchego e trás conforto e calor humano para os ambientes. Existem mais de 100 espécies, variando na  granulação, textura e tonalidade.  Cada tipo, tem um poder de afetar nossas emoções e produtividade, de uma maneira diferente.

Madeiras com desenhos complexos tem muito apelo visual, sua singularidade é seu passaporte para o sucesso. Não há monotonia num ambiente que mostra os veios da madeira.

 

 

Studio com paredes em concreto aparente piso tipo parquet em madeira. Fonte: Stanislav Kaminskyi

 

 

 

Outra de suas qualidades imbatíveis: cativar as pessoas com seu aroma, e torna-las mais calmas. Esse aspecto também já foi comprovado cientificamente.

Mas você deve estar se perguntando…. essas descobertas valem para MDF, compensados, carpete e folhas de  madeira..??? Não. Essas descobertas valem para a madeira, no seu estado mais próximo ao encontrado na natureza.

Faz total sentido, não é?

 

 

2.Concreto

 

Até alguns anos atrás, o  concreto aparente era usado apenas nas etapas da construção. Considerado um material básico e pesado, o concreto mudou de status recentemente.

É um material  rígido, uniforme, que passa a idéia de  foco e  decisão.  Esses adjetivos não o define como um acabamento ideal para ambientes internos, mas certamente o colocam entre os materiais que evocam respeito.

Duríssimo no visual e no tato, recomenda-se seu uso ao lado da madeira.

Na última década, aproveitando a onda do estilo industrial, ele inaugurou sua presença nas decorações com força total.

 

 

Linha Aparente da Castelatto

Parede da sala revestida com placas de concreto aparente. Fonte: Castelatto.com.br

 

 

Antes era resultado de placas feitas em formas sem graça, agora existe um sem número de modelos.

Carrega o  nome de concreto arquitetônico porque sua função não é estrutural, mas sim estética.

Com eles  criamos divisórias vazadas ou não, revestimos paredes, cabeceiras…   Estão disponíveis em diversos formatos cheios de leveza e movimento. Muitas peças são tridimensionais e seu efeito visual é um “plus” em qualquer ambiente. As peças permitem que sejam feitas variações personalizadas.

 

 

 

Revestimento de concreto com ângulos pontudos da linha Origami da Castellato, produz um belo efeito de luz e sombra no ambiente. Fonte: Castelatto.com.br

 

 

Existem muitos outros materiais de acabamento para serem analisados. Vou continuar a abordar essa questão em breve. Nesse meio tempo, se você estiver com dúvidas, não existe em me contactar.

Não deixe de ler as matérias exclusivas da revista nomoremag. Lá você encontra opiniões de gente antenada com moda sustentável, decoração, vida saudável na terceira idade e muito mais!

 

 

Pesquisa sobre os materiais:

www.archdaily.com/907758/why-your-home-and-office-affect-your-mood-and-health

www.tandfonline.com – Material properties of wooden surfaces in interiors and sensory stimulation.

 

Um grande abraço,

Silvana Hindi

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Iniciar Conversa
1
Tem Dúvidas Sobre os Cursos?
Oi! como posso te ajudar hoje?